Escolho Fotos que me Inspirem

Fotógrafo - Pede AQUI para retirar a Foto do Artigo

Voltar ao BLOG
  • Francisco Capelo

De Gandhi a Greta

Atualizado: Abr 4



MAHATMA - A "Grande ALMA"

(descansa em Paz)



Greta Thunberg, tens feito um trabalho fantástico. Berras com os adultos- a- brincar à séria e eles ficam mesmo a pensar nas tuas palavras – isso é raro, pois adulto e pensamento, na mesma frase ficará sempre a soar a Bailinho da Madeira numa Aida em pleno Scala de Milão. Não estão habituados a isso, tens de entender tal coisa. Têm um emprego e filhos para cuidar e contas para pagar, e deixam talvez por isso sempre para amanhã essa tão nobre tarefa – ou então pensam que outros adultos podem pensar por eles e assim o seu pensar será dispensável naquelas circunstâncias. Enfim, é sempre bom pensar que se pode pensar noutro momento - e chutam tal inconveniente coisa para canto.


Esses outros adultos respondem pelo nome de representantes – políticos ou aparentados – e também gritam bastante uns com os outros vê lá, em reuniões de retórica intermináveis. Garanto-te que eles pensam mesmo que… Pensam! Enfim. Nós crianças, e nós crianças-que-já-temos-idade-para-ser-mesmo-adultos-mas-desistimos-de-tal-ideia- ainda- crianças, temos de ter toneladas de Pachorra com eles e elas. É mesmo assim. Está na sua natureza. É assim que são e dali não vão sair tão cedo.


Estou a escrever-te para te sugerir uma ideia muito catita, que aprendi com Gandhi e que ele já tinha apanhado de outro autor, chamado Henri David Thoreau. Chama-se “Desobediência civil”. É um conceito bastante engenhoso, confesso, e teve também grande aplicação prática no movimento de direitos civis e de protesto dos negros norte- americanos contra o racismo - que não é assim tão latente naquelas paragens. É Mesmo Evidente. Então no sul dos States.. aquilo era mesmo muito complicado. Que o diga toda a malta do Jazz lá dessas bandas - desde Miles Davis a Charlie Parker. Mas adiante, não te quero maçar com o tipo de cultura que os adultos- a- brincar pensam que os outros têm mesmo de partilhar- para- serem- adultos- a- brincar- como- eles.


Esta ideia terá o condão de despertar estes "adultos" de pensamento tãaao preguiçoso e dos seus representantes tãaao pouco- representativos, digamos assim, para abreviar a coisa. E é uma extensão da estratégia de Gandhi – estou em crer que concordarás comigo a breve trecho. Continuar a berrar nos media sobre as alterações climáticas… Para quê, não me dizes? Tens alguma solução milagrosa imediata?


As pessoas – algumas – protestam e berram, a certa altura alguns que se dissimularam lá dentro partem para a violência lá mais para a frente, os representantes- de- muito- pouca- coisa mandam a polícia e a polícia por sua vez manda jactos de água e gás para fazer chorar os outros.


E neste espectáculo mais ao menos ensaiado os jornalistas- que- pensam- mesmo- que- estão- a fazer- jornalismo- a- sério tiram uma fotos e outros umas fotos em movimento e aquilo vai para concursos de fotos organizados por jornais e revistas conhecidos e tal - E pronto. Acabou a palhaçada.


Quem ganha nisto tudo são os “sortudos” que ganham esse prémio. Mas para pagar esse prémio em princípio todos têm de pagar um pequeno valor – e quem organiza dá uma percentagem desse valor ao sortudo e ficará talvez com o resto. É assim que funciona.



Não vejas portanto apenas o Passado e o Presente – tenta pressentir TAMBÉM o Futuro.. E daí a uma hora tá tudo em casa a ver o que eles próprios fizeram todos contentes da vida e o que fica é um rasto de destruição que não levará Nunca a lado algum.


Destruição em lojas de pessoas como nós, e em carros de qualquer um de nós, e em vidros de casas que pertencem a alguém – que, vê lá o acaso – é também um de Nós! Ele há coincidências do Diabo… como dizia o outro: “- O Mundo é pequeno!”, e todos se conhecem – ou pensam conhecer..


Sugiro portanto uma coisa beeeem simples – olha, que até um adulto- a- brincar entende! Eu sou um eterno optimista por natureza, como tu e eu bem sabemos… tenho alma de poeta! – e está tudo dito. Ahh, Walt Whitmans deste mundo... como eu vos compreendo a Alma calma e a doce inspiração!



Vamos então pôr as mãos na massa, minha cara Greta:


Tu Nunca na tua linda e ainda curta vida vais alterar decisões políticas aos berros. Se queres mudar as mentalidades de quem decide – e por todos Nós o decide – tens uma única e real solução – Humilha essa pessoa em público. Esse tipo ou tipa está a fazer um estardalhaço numa festa e não quer sair? Vais até ele ou ela e dizes: eu sei um segredo sobre ti. Posso dizê-lo agora a toda a gente bem alto e ficarias envergonhado. Tens 7 segundos para sair da festa que estragaste. Ao 8º segundo – estás por tua conta!


E a partir daqui, minha tão estimável e jovial jovem, só tens de contar até a esse tão mágico número 6. Abre os olhos: Puff! A Magia acontece! Cadê o Elefante- em- plena- loja- de- porcelanas? Ele há mesmo pessoas com um talento especial para solucionar problemas… se isto não é genialidade pura – andará lá perto, dizem-te todos ao teu redor:


"- BRAVO!" - e daí até às capas das revistas é um tiro! A new star is born!!


Ahh, desculpa.. que distração a minha, vê lá tu só! - Esqueci-me de que tu já passaste esta fase e JÁ estás nessas capas dessas revistas.. - Mea culpa!


E é só isto. E isto funciona em tudo – mas funciona mesmo mesmo bem em adultos que têm uma certa dificuldade em encontrar no Dicionário o que é isso chamado de verbo Pensar. Na Wikipedia será talvez mais fácil de entender - dizem-lhe os netinhos. Mostra a essas pessoas que pensam que sabem pensar e que por pensar tão bem podem pensar pelo pensar das outras pessoas que, essas sim, não sabem pensar – que tu sabes perfeitissimamente quais as verdadeiras CAUSAS e Motivações e Interesses – que estão na origem daquela decisão e daquela acção e sobretudo – daquele Pensamento. E aí... já as podes humilhar em público à la volontéee, como eu de forma tão pacata e ordeira e organizadinha te expliquei há alguns parágrafos. Acreditas tu que eu sou mesmo artista - com esta alma de Arquivista? Incrível, não?? Pareço mesmo saído d´O Castelo do nosso querido amigo Kafka, não é mesmo? Enfim - mas é assim.



Ideias, sabes?… IDEIAS! - Deixa os berros para filmes de terror com os amigos e jogos de futebol chatos com a família ou namorado e coisi tal. Ok? Não se combatem polícias com violência ou berros. Os polícias são mandados para ali para servir de barreira física, de escudo protector – eles manejam canhões de água sim… mas são eles a carne para canhão em tudo isto. Quem Realmente manda está lá dentro a gozar o prato e a comer pipocas e a pensar que pode pensar pelo preguiçoso pensar dos outros. Pelo menos é o que eles e elas pensam - vê lá tu! E esses outros se calhar também lhes fazem o jogo, desistindo de pensar e pensando que os outros- outros pensam pelo seu pensar. Ahhh, charada interminável... mais parece a confusão de personagens de Astérix- não dirias??



Queres alterar alguma coisita? Faz Mind Games com essa gente. Tão simples como isso! E eles próprios saem da sala e te dizem como manobrar aquela máquina e adeus que lá vou eu para a reforma antecipada e venha a próxima geração para o poder que eu já estou farto disto tudo! Porque de facto... esta malta que está no poder por todo o lado... parece-me bem que precisava de sangue novo. E parece-me bem que sabe muito bem isso mesmo. E parece-me bem que já está farta. E parece-me bem que está 135% desejosa de passar a batata quente ao porteiro que vem a seguir! - Chama-lhe intuição, se quiseres! Nós artistas pensamos sempre que somos um pouquinho mais atentos e atenciosos e sensíveis do que os outros- outros e que sentimos e prevemos certas e determinadas coisas que estão prestes a acontecer.. Ahh, caramba..., santa ingenuidade.. venham os que decidem decidir o que podemos sentir ou pensar - seria bem melhor, não te parece, Mafalda? - Ah, .. Greta!



Mas novo não significa:


. Nem Inculto

. Nem Impreparado


Até te dou uma sugestão de título para isto, olha, podes chamar-lhe de “Desobediência activa” ou lá o que for – sê criativa também aí.



( não é necessário seres criativa nos decibéis )


Mas, como bem fazia notar o nosso mútuo amigo Hercule Poirot – precisarás Mesmo de ser criativa no uso que dás às tuas célulazinhas cinzentas..



Este é o Método, puxa aí de um caderno da escola – um qualquer, pode ser o de Matemática que o prof não se chateia e até vai gostar de ver aquilo na TV:


1. Estuda sem berros

2. Brainstorming sem simplismo

3. Faz mind games cirúrgicos

4. e Apresenta soluções praticáveis


- Por esta ordem - e não saltes opções.



E no final do mítico e tãaaao próximo Caminho de Oz, alguém te dirá:


“- Parabéns, cara Greta Thunberg: - Eis a chave de ouro da cidade, menina.. use-a com precaução.”


E aí, minha rica menina, começará a verdadeira Montanha Mágica da tua Geração…



Lembra-te do berro de Tom Cruise a Jack Nicholson no Tribunal Militar:


“- Quero a Verdade!!”.


E nunca mas Nunca te esqueças da sua resposta:


“Queres a verdade?? Tu Não estás preparado para a Verdade!!!”





Ora… quando tu, Greta, e a tua geração - estiverem preparados para enfrentar a Verdade – todiiinha.. – do que aconteceu Antes, dos compromissos que é preciso fazer, de certas coisas que é necessário continuar.. Será aí E SÓ AÍ - que o poder mudará Finalmente de mãos e será só aó que a Transição de poder - que Todos querem - acontecerá.



Até lá.. – NÃO!


( temos decibéis e vidros partidos, apenas..




Posts recentes

Ver tudo
Voltar ao BLOG